Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Logon

 28/10/2020 - Gerenciamento em Saúde

 Como cultivar o hábito da leitura

Imagem de uma mulher sorrindo enquanto está sentada em um sofá lendo um livro.

Em tempos isolamento, apostar em atividades que diminuam o estresse é fundamental.  Além de ser uma alternativa de entretenimento e enriquecer o nosso vocabulário, o hábito da leitura ainda nos torna mais criativos, críticos e empáticos. 

Porém, de acordo com a 5ª edição da pesquisa Retratos da Leitura, organizada pelo Ibope a pedido do Instituto Pró-Livro, 48% da população brasileira não lê. Os motivos são variados: 28% dizem que não mantêm o hábito porque não gostam;  34% porque dizem ser por falta de tempo. O surpreendente é que quando perguntados se gostariam de ter lido mais, 82% dizem que sim. E a chave desta equação está em uma palavra: hábito. Mas como adquirir o hábito da leitura na prática? 

O primeiro passo é reservar um tempo todo dia para ler. Pensando no  contexto atual, este é aquele tempinho que você estaria em transporte, entre uma atividade e outra. Converta esse tempo para ler e estabeleça uma meta, como por exemplo, terminar uma história em um determinado número de dias. A escolha de títulos compatíveis com a sua preferência também é muito importante neste processo de mudança. Uma dica é começar com temas com os quais tem mais afinidade: para quem gosta de cinema, por exemplo, há a biografia de atores ou diretores famosos. Os aficionados por futebol, por sua vez, podem escolher uma obra que narre um título importante do seu time de coração.

Para criar o hábito da leitura, é fundamental ter sempre um livro ao alcance, e na hora de ler: desconecte-se. 

Atualmente, estamos a todo momento tendo a atenção desviada por notificações no smartphone e mensagens nas redes sociais. Isso acaba prejudicando a nossa concentração e produtividade. Para evitar que isso aconteça, deixe o seu celular longe de você enquanto estiver lendo e, se possível, coloque-o no modo silencioso. Procure também desligar o computador e a televisão. Dessa forma, será possível assimilar mais facilmente o conteúdo do livro.

Começar com livros curtos também pode ajudar bastante. Vamos combinar: olhar aqueles livros enormes nas prateleiras, com 700 páginas ou mais, desanima qualquer um. E, quando se trata de uma pessoa que ainda não criou o hábito da leitura, esse fator pode se tornar um empecilho ainda maior. O ato de concluir um livro traz uma sensação boa de dever cumprido ao leitor. Afinal, é muito prazeroso descobrir o que aconteceu com aqueles personagens, naquela trama. Por isso, procure escolher obras mais curtas, com poucas páginas. Assim, você evita se desanimar com o quanto falta para terminar a história e vai criando o seu próprio ritmo aos poucos.

E por último, a leitura não tem que ser uma competição, e sim uma ação prazerosa. Por isso, não se preocupe se o seu amigo leu mais livros do que você no decorrer do ano, pois essa capacidade de ler grandes volumes é adquirida com a prática, assim como ocorre com outras atividades. Então, evite cobranças internas procure ler no seu ritmo, dando prioridade àquilo que esteja de acordo com as suas preferências.


Deixe o seu comentário

Próximas Atividades

Publicações Anteriores