Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Logon

 21/05/2021 - Gerenciamento em Saúde

 Conheça a Síndrome Pós-Covid e preste atenção nos sinais

Imagem de um homem com máscara olhando o celular. Ao lado está a frase “Síndrome pós-covid” e ilustração do vírus.

Mesmo após a cura da Covid, existe a possibilidade de o paciente ter sequelas por semanas a meses após a infecção. Por isso, caso perceba qualquer tipo de sintoma estranho, deve-se procurar ajuda médica para identificar o que está acontecendo. Casos mais graves da doença, como os que necessitam internação ou ir para a UTI, são mais comuns de apresentar sequelas, mas a realidade é que até nos casos mais leves deve-se ficar atento aos sinais pós infecção.

As principais manifestações da síndrome pós-Covid relatada pelos pacientes são:

  • Fadiga;

  • Falta de ar;

  • Dores de cabeça;

  • Dores musculares;

  • Queda de cabelo

  • Perda de paladar e olfato (temporária ou duradoura);

  • Dor no peito;

  • Tontura;

  • Tromboses;

  • Palpitações;

  • Depressão e ansiedade;

  • Dificuldades de linguagem, raciocínio e memória.

Para se livrar da Covid, o organismo começa uma reação inflamatória, fenômeno que envolve a liberação de substâncias, como citocinas, com potencial para lesionar órgãos e tecidos. Nos pulmões, em casos mais intensos, podem ficar as fibroses que funcionam como uma espécie de cicatriz e, com isso, pode acabar atrapalhando a respiração. É daí que vem parte do cansaço e, com isso, os pacientes sentem dificuldade ao praticar atividades simples do dia a dia.

Outra consequência desta reação inflamatória é o dano aos músculos que gera uma sensação de fraqueza, a fadiga. O sistema nervoso, que opera o tecido muscular, pode ser atacado pela inflamação, ou até pelo próprio vírus. Isso explica a dificuldade que algumas pessoas enfrentam ao fazer movimentos simples.

Para recuperar o fôlego, é essencial retomar aos poucos as atividades que desempenhava antes de contrair o vírus. É normal após a infecção sentir cansaço, faz parte do processo de recuperação, porém, se sentir sintomas mais intensos como náusea, palpitações, desmaios e tontura, pode significar algum comprometimento mais significativo. Nesse caso, procure o seu médico, pois avaliar os sintomas e manejar a síndrome pós-covid é essencial para evitar complicações e ter mais qualidade de vida.

Deixe o seu comentário

Próximas Atividades

Publicações Anteriores