Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Logon

 07/09/2018 - Saúde do Adulto; Notícias

 Estresse atinge 67% das brasileiras

Uma mulher está relaxada lendo um livro em um sofá.

O estresse está presente na vida de muitas pessoas diariamente pelas mais variadas razões. Ele é necessário e positivo por estimular a tomada de ações, visando a resolução de problemas e a conquista de objetivos. Entretanto, quando os sintomas do estresse duram muito tempo e são prejudiciais à saúde, ele é negativo e demanda atenção especial, além da ajuda de um profissional.

Uma pesquisa mostrou que duas em cada três brasileiras se consideram estressadas na maior parte do tempo. O desempenho de várias funções estaria entre os responsáveis para o aumento dos níveis de estresse nas mulheres, além do sentimento de cobrança para conciliar carreira e responsabilidades da vida familiar. No entanto, a pesquisa ainda concluiu que os níveis de exposição das mulheres ao estresse também variam entre os países.

O Brasil ficou em 4º lugar entre os 21 países que fizeram parte do estudo realizado em 2011 pela consultoria Nielsen. Atrás apenas de Índia, México e Rússia.

Características do estresse:

Cada pessoa pode reagir ao estresse de um jeito diferente. Alguns sinais comuns são:

• não comer ou comer demais;

• sentir que não tem controle das situações;

• necessidade de ter muito controle;

• falta de energia e de foco;

• problemas para dormir;

• dores em geral.

Reavaliar hábitos, planejar atividades de um modo diferente, incluir um hobby na rotina e rever prioridades são atitudes que podem ajudar a aliviar o estresse, além de ter um sono adequado, alimentar-se de maneira saudável e praticar exercícios físicos regularmente e de forma moderada. 

Para outros imprevistos do dia a dia é possível fazer exercício bem simples, mas que podem ajudar a aliviar os sintomas:


1º Imagine estar diante da situação.

2º Respire profundamente para relaxar.

3º Mantenha-se otimista.

4º Mentalize um roteiro das coisas que precisa dizer ou, caso seja uma entrevista de trabalho, procure saber o que costuma ser questionado e reflita sobre as respostas que podem ser dadas.

5º Defina um possível plano B para recorrer caso ocorra algum imprevisto.


Atenção!

O estresse é algo normal ao longo da vida, mas se ele ficar persistentemente elevado, pode ser necessária ajuda profissional para evitar problemas como a depressão ou algum transtorno de ansiedade.




Deixe o seu comentário

Próximas Atividades

Publicações Anteriores